Pedrinho em ação com a camisa do Benfica durante partida em Portugal

Benfica acerta venda de Pedrinho por R$ 110 milhões; Corinthians não deve nem ver ‘fatia’ que tem direito

07/06/2021

Pedrinho será o próximo reforço do Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. O ESPN.com.br confirmou a informação com Will Dantas, agente do meia-atacante.

O acordo estava quase fechado por 16 milhões de euros, mas o clube português subiu a pedida para 18 milhões de euros, cerca de R$ 110 milhões.  Mesmo assim, o time ucraniano topou fechar a compra após poucos dias de negociação. O contrato entre as partes é válido por cinco anos.

Pedrinho, de 23 anos, viajará acompanhado de seu estafe entre sexta-feira (11) e sábado (12), uma vez que o Shakhtar se reapresenta oficialmente na próxima segunda.

A negociação chegou a estar perto de ser finalizada ainda no início da semana passada, o que não aconteceu porque o Benfica subiu a pedida em 2 milhões de euros, cerca de R$ 12 milhões.

A reportagem apurou ainda que Borussia Dortmund e Atlético de Madrid tinham interesse no brasileiro.

Clube formador do meia-atacante, o Corinthians deve receber entre 4,5% e 5% do valor do total da negociação, o que dá em torno de R$ 4,9 milhões e R$ 5,5 milhões. Porém, o dinheiro mal deve entrar nas contas do clube.

Isto porque a agremiação paulista ainda deve 5,4 milhões de euros, algo como R$ 33 milhões, divididos em três prestações. À reportagem, o Corinthians confirmou que quitou apenas a primeira parcela – neste mês de julho, deve pagar mais um valor ao empresário do atleta.

Com a camisa do Benfica, o brasileiro foi a campo 31 vezes, sendo titular em 11 partidas, e anotou apenas um gol em 2020/2021.