Jorge Jesus durante jogo entre Benfica e PSV, pelos playoffs da Champions

Champions: Benfica segura 0 a 0 com o PSV e vai à fase de grupos; Veríssimo é expulso no 1º tempo

24/08/2021

Foi com muita emoção, mas o Benfica está na fase de grupos da Uefa Champions League! Nesta terça-feira, o time de Jorge Jesus empatou por 0 a 0 com o PSV, na Holanda, e, como havia vencido a ida por 2 a 1, avançou nos playoffs da competição.

A classificação portuguesa foi heróica, já que os Encarnados jogaram a maior parte do duelo com um a menos, depois que o zagueiro brasileiro Lucas Veríssimo foi expulso aos 31 do 1º tempo.

Com isso, a equipe de Eindhoven foi com tudo para cima e promoveu um verdadeiro “bombardeio” (21 finalizações), mas não conseguiu vazar a meta do goleiro Vlachodimos, que teve atuação espetacular.

A partida ainda foi marcada por um lance inacreditável do atacante Zahavi, que perdeu um gol absurdo para o PSV.

No 2º tempo, ele recebeu sozinho na pequena área, já sem goleiro, e, mesmo com a meta vazia, mandou no travessão, para desesperado da torcida holandesa.

Queria o destino que o time do Mister fosse à Liga dos Campeões, faltando agora saber quem serão os adversários da fase de grupos.

Situação do campeonato

Com o resultado, o Benfica avança à fase de grupos da Liga dos Campeões – as chaves ainda serão sorteadas.

O PSV, por sua vez, irá para a disputa da fase de grupos da Europa League.

O cara: Vlachodimos

O goleiro do Benfica garantiu a classificação do clube à fase de grupos das Champions.

Com saídas arrojadas e mostrando reflexo em dia, ele fez defesas decisivas durante o “bombardeiro” do PSV.

Ao todo, foram 8 intervenções difíceis feitas pelo arqueiro grego, segundo números do TruMedia, da ESPN.

E quando ele não conseguiu chegar no lance, contou com a sorte: Zahavi, livre na pequena área, mandou no travessão.

Se Jorge Jesus tem alguém a agradecer pelo resultado, esse alguém é Vlachodimos.

Foi mal: Lucas Veríssimo

O ex-zagueiro do Santos vem tendo um ótimo início no Benfica, mas, nesta terça-feira, complicou demais seu time.

Ele levou um primeiro cartão amarelo logo aos 7 minutos do 1º tempo, ao parar um contra-ataque do PSV.

Depois, aos 31, acertou uma cotovelada em um rival e levou outro amarelo, sendo expulso ainda na etapa inicial.

Com isso, seu time teve que jogar mais de 60 minutos com um a menos, o que quase custou a classificação.

Próximos jogos

O PSV volta a campo neste sábado, quando recebe o Groningen, às 15h (de Brasília), pelo Campeonato Holandês.

No dia seguinte, às 14h, o Benfica enfrenta o Tondela, pelo Campeonato Português.

Ficha técnica

PSV Eindhoven 0 x 0 Benfica

GOLS: Nenhum

PSV EINDHOVEN: Drommel; Mwene (Ryan Thomas), André Ramalho, Boscagli (Obispo) e Max (Teze); Sangaré, van Ginkel (Bruma) e Götze; Madueke (Vertessen), Gakpo e Zahavi Técnico: Roger Schmidt

BENFICA: Vlachodimos; Lucas Veríssimo, Otamendi e Morato; Gilberto (André Almeida), João Mário (Everton “Cebolinha”), Weigl e Grimaldo; Rafa Silva (Meité), Taarabt (Vertonghen) e Yaremchuk (Gonçalo Ramos) Técnico: Jorge Jesus