Luis Suárez durante jogo entre Atlético de Madrid e Levante, por LaLiga

Tuchel revela que pediu contratação de Luis Suárez no PSG para fazer trio com Mbappé e Neymar

22/02/2021

Em coletiva nesta segunda-feira, antes do jogo contra o Atlético de Madrid, pela Champions, o técnico do Chelsea, Thomas Tuchel, revelou que tinha interesse em contratar o atacante Luis Suárez nos tempos em que ainda estava comandando o Paris Saint-Germain.

De acordo com o alemão, ele solicitou à diretoria parisiense que tentasse fechar com o uruguaio quando ele foi comunicado pelo Barcelona que não estava nos planos do técnico Ronald Koeman para a temporada 2020/21.

No entanto, de acordo com Tuchel, o próprio Suárez decidiu seguir no futebol espanhol.

“Havia a possibilidade (do PSG contratar Luis Suárez) quando ele estava para deixar o Barcelona. Nós tentamos, mas ele preferiu ficar na espanha e assinar com o Atlético”, contou o comandante.

O Pistolero foi negociado pelo Barça com o Atleti por apenas 6 milhões de euros, assinando por dois anos com os colchoneros.

Desde que foi contratado, ele já soma 16 gols em 24 partidas, com a equipe de Madri ocupando a liderança de LaLiga.

Se tivesse aceito a proposta do PSG, porém, Suárez teria a chance de se reunir com o amigo Neymar, com quem jogou no Camp Nou, além de fechar um novo “tridente” mortal com o francês Mbappé.

De acordo com Tuchel, Luis tinha boas chances de “encaixar” bem em Paris.

“Foi um momento muito particular (que pedimos a contratação). Ele tinha boas chances de encaixar bem no PSG, mas agora as coisas são diferentes. Não adiante ficar remoendo o passado agora”, salientou.

Sobre como irá fazer para seu Chelsea tentar anular Suárez, o comandante alemão elogiou muito o adversário e admitiu que será tarefa difícil.

“Estávamos interessados em contratar um dos melhores atacantes do futebol mundial. Ele é um matador-nato. Suárez tem essa qualidade que todos os melhores atacantes têm. Sempre quer demonstrar sua garra e quer fazer gols, gols e mais gols. Conhecemos suas qualidades e tentaremos pará-lo de toda forma”, finalizou.